Início
NOTÍCIAS
09/06/2011
Câmara de Cuiabá cobra explicação do governador sobre declarações de Éder de Moraes
Luiz Alves

A Câmara de Cuiabá aprovou por unanimidade, na sessão ordinária desta quinta-feira (09/05), requerimento em que cobra uma explicação formal do governador Silval Barbosa (PMDB) sobre as declarações do presidente da Agecopa, Éder de Moraes Dias, de que “o vereador tem que se preocupar com a sociedade cuiabana e não ficar vendendo dificuldades para colher facilidades”, e, ainda, “Não vou ficar preocupado com a impaciência de quem não tem noção do que está acontecendo. A gestão da Agecopa é transparente, diferente da administração de Júlio Pinheiro”.

Júlio Pinheiro garantiu que confia na seriedade e no bom senso do governador Silval Barbosa para colocar Éder de Moraes “em seu devido lugar”. Ele destaca a sensibilidade de Silval aos pleitos de Cuiabá, inclusive o Programa Multiação, solicitado pela Câmara Municipal, no início do ano. “O senhor Éder Dias, ao invés de prestar contas do que está sendo feito pela Agecopa, com dinheiro público, prefere fazer declarações com interpretação dúbia, sem se preocupar sequer com a imagem do seu chefe, que é o governador Silval”, avalia o presidente da Câmara.


 O vereador Toninho de Souza (PDT), segundo a assinar o requerimento coletivo, afirmou que Éder de Moraes errou feio ao tentar lançar suspeição sobre os parlamentares municipais. “Asseguro que a Câmara não é contra a realização da Copa, mas exige que a autonomia de Cuiabá seja respeitada”, afirmou ele.


“Esse cidadão, Éder se comporta como se fosse primeiro ministro. Sempre desrespeita a Assembleia Legislativa, a Prefeitura de Cuiabá e quem aparece em sua frente. Ele deve mudar de postura, porque não é dono de Mato Grosso, mas, sim um simples empregado do governo de Mato Grosso”, afirmou Toninho.

Sem esconder uma ponta de ironia, o vereador Thiago Nunes (PSDB) disse, na tribuna, que Éder de Moraes está na Agecopa para fazer turismo. Ele lembrou da ida de Silval Barbosa a Brasília para tratar da renegociação das dívidas do Estado com a União. “Qual foi minha surpresa ao abrir os sites noticiosos? Ao invés de aparecerem fotos do governador Silval, estava manchete estampada com imagem do senhor Éder. Nunca soube que é a Agecopa quem é a responsável por reescalonar a dívida do Estado”, questionou Thiago Nunes.


O vereador Carlos Eduardo ‘Tuba’ Haddad (PTB) afirma que Éder de Moraes precisa, com urgência, aprender a respeitar pontos de vista contraditórios e, principalmente, aos representantes do povo. Sobre o fato do presidente da Agecopa não querer prestar contas sobre seus atos, o parlamentar petebista tem outra sugestão. “Se ele deseja privacidade, então, deve deixar a vida pública e retornar à iniciativa privada. Aí não precisará prestar contas daquilo que faz. Porém, enquanto administrar dinheiro público, por lei, é obrigado a ser transparente em seus atos”, resume ‘Tuba’ Haddad.

Ronaldo Pacheco



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
09/08 - Artistas recebem Títulos de Acadêmicos Efetivos da ACILBRAS durante 3º Sarau Cuiabano
09/08 - Vereadora, movimentos e pacientes pressionam contra fechamento de unidade do SAE do bairro CPA I
09/08 - Câmara aprova projetos e pareceres na sessão desta terça
08/08 - Câmara realiza segunda edição da campanha Boa Ação é Doação
08/08 - Escola do Legislativo da Câmara de Cuiabá faz balanço das ações realizadas no 1º semestre de 2022
05/08 - Campanha Boa Ação é Doação arrecada leite materno capaz de alimentar centenas de bebês
04/08 - CCJR analisa sete processos durante reunião realizada nesta quinta-feira
04/08 - Programa Corrente do Bem realizado pela PM foi tema da tribuna desta quinta
04/08 - Câmara aprova requerimentos, Projetos de Lei e pareceres na sessão desta quinta
03/08 - Nota de pesar | Gládius César
02/08 - Nota de pesar | Adriana Catelli
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.