Início
NOTÍCIAS
09/03/2012
Projetos de lei pretendem beneficiar mães e seus bebês em Cuiabá
Luiz Alves
Jornalista Durcila Cordeiro fala sobre a cardiopatia na Tribuna Livre
No Dia Internacional das Mulheres, uma mãe demonstrou àqueles que assistiram a sessão ordinária da Câmara Municipal de Cuiabá um dos motivos que justificam a existência de tal data: o amor incondicional que a mulher pode dedicar aos filhos. A convite do vereador Lúdio Cabral (PT), a jornalista Durcila Cordeiro falou como o diagnóstico precoce de cardiopatia a ajudou a salvar seu filho recém nascido, que hoje tem oito anos, e como luta até hoje para ajudar outras mães que enfrentam o mesmo problema.

Durcila é representante da Associação de Assistência à Criança Cardiopata Pequenos Corações - Núcleo Mato Grosso (AACC) e sua defesa no plenário teve o objetivo de defender a aprovação do projeto de lei proposto pelo vereador petista, que torna obrigatório o exame de oximetria de pulso em recém nascidos, ainda na maternidade. O exame fornece informações sobre a saturação de oxigênio conduzido pelas hemoglobinas presentes no sangue arterial, o que pode indicar possíveis problemas cardíacos nos bebês.

"Como nenhum exame obrigatório em recém nascidos hoje pode indicar algum tipo de cardiopatia congênita, algumas famílias não conseguem nem chegar ao tratamento, porque simplesmente não imaginam que seus bebês possam ser cardiopatas. Um dos principais problemas que enfrentamos hoje é a falta de informação nesse sentido. Por isso, tornar obrigatório esse exame, que é rápido, indolor e de baixo custo,  é uma alternativa que garante um primeiro auxílio às mães que, por ventura, tiverem seus filhos diagnosticados com cardiopatia", explica Durcila.

Além do exame de oximetria de pulso, Lúdio também apresentou projeto que institui o Comitê de Mortalidade Materno Infantil Perinatal e Neonatal, que deve ser vinculado ao Conselho Municipal de Saúde. "Os dados obtidos por meio de estudos feitos por esse comitê servirão de base para o fortalecimento das estatísticas a respeito da mortalidade peri e neonatal, para que a gente possa identificar as causas, possíveis grupos de risco e, a partir disso, propor políticas públicas voltadas para a área", afirma o vereador.

Assessoria de Gabinete



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
30/11 - Estatuto da igualdade racial, de Edna Sampaio, será sancionado pela prefeitura
29/11 - Dr. Luiz Fernando convida Urologista para ministrar palestra sobre Câncer de Próstata no TCE
28/11 - Câmara conclui a implantação da DCTFWeb
28/11 - Câmara vota pauta com 10 itens em Sessão Ordinária
28/11 - Vereadores de Cuiabá aprovam projetos de lei e pareceres na sessão desta terça-feira
28/11 - Em reunião ordinária CCJR delibera sobre 13 processos nesta quarta-feira
28/11 - Carta de ambientalistas a governo Lula é tema de tribuna livre
28/11 - Sargento Joelson entrega título de cidadão cuiabano à Edmilson Maciel da Banda Terra
24/11 - Nota de Pesar | Izabel Silveira Samaniego
22/11 - 5º Mutirão da conciliação promovido pelo vereador Rodrigo Arruda vai até quarta-feira
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.