Início
NOTÍCIAS
26/04/2013
Dilemário pede educação de qualidade e apoia manifestações
O vereador Dilemário Alencar (PTB) se solidarizou com os profissionais da Educação municipal de Cuiabá, que promovem durante esta semana, de 22 a 26 de abril, a 14ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública. 

A determinação da Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação (CNTE) era para que houvesse três dias de greve, porém a subsede do Sindicato de Cuiabá optou pela paralisação apenas nesta quinta-feira (25), além de mobilizações na comunidade escolar durante toda a semana.

"Precisamos valorizar nossos professores. A educação é o futuro do país. É por meio dela que trazemos qualidade de vida à população, pois um cidadão que exerce o seu direito à educação, terá maior possibilidade de ter uma profissão com a qual consiga sustentar sua família. Assim, nossa sociedade não enfrentaria, ao menos com tanta frequência, a violência nas ruas", afirma Dilemário.

Na rede municipal de ensino de Cuiabá, a categoria cobra o cumprimento das metas estabelecidas no Plano Municipal de Educação, aprovado pela Câmara de Vereadores em dezembro de 2010, que assegura a ampliação dos recursos como garantia da universalização do atendimento da educação fundamental e infantil, a melhoria nas condições estruturais das escolas e creches e a valorização dos trabalhadores da educação com recomposição salarial acima da inflação.

"Quero registrar meu apoio veemente ao Sintep por melhorias não somente por salários, mas por melhorias nas escolas", afirmou Dilemário.

O parlamentar ainda comparou a suntuosidade dos Palácios Governamentais existentes em Cuiabá com as escolas, que garantem o futuro da população. "Há uma inversão de valores", afirmou.

Nesta quinta-feira a categoria promove um ato público em frente ao Palácio Paiaguás, como forma de sensibilizar as autoridades municipais e estaduais em prol de uma educação de maio qualidade. A mobilização ocorre às 14h30.

O CNTE lançou a Campanha "Educação Pública, Eu Apoio", visando conscientizar a sociedade a cobrar melhores condições de trabalho nas escolas públicas, como melhor infraestrutura, universalização das matrículas, formação e valorização dos profissionais, mais participação de toda a comunidade escolar e respeito à diversidade e inclusão.

O presidente do CNTE, Roberto Leão, diz que "a escola pública é a escola do país".

A sociedade pode participar da manifestação por uma educação gratuita de educação acessando o endereço eletrônico www.educacaoeuapoio.com.br e assinando uma petição que será enviada ao Congresso Nacional. 

Flávia Borges
Assessoria de Imprensa



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
28/11 - Câmara conclui a implantação da DCTFWeb
28/11 - Câmara vota pauta com 10 itens em Sessão Ordinária
28/11 - Vereadores de Cuiabá aprovam projetos de lei e pareceres na sessão desta terça-feira
28/11 - Em reunião ordinária CCJR delibera sobre 13 processos nesta quarta-feira
28/11 - Carta de ambientalistas a governo Lula é tema de tribuna livre
28/11 - Sargento Joelson entrega título de cidadão cuiabano à Edmilson Maciel da Banda Terra
24/11 - Nota de Pesar | Izabel Silveira Samaniego
22/11 - 5º Mutirão da conciliação promovido pelo vereador Rodrigo Arruda vai até quarta-feira
22/11 - Vereador Sargento Joelson entrega títulos de cidadão cuiabano
22/11 - Praça do Pedregal recebeu a segunda edição do evento Família na Praça, promovido pela vereadora Michelly Alencar.
21/11 - Nota de Pesar| Massayoshi Tada
21/11 - Nota de Pesar| Dr. Nadim Amui Júnior
21/11 - Semana da Consciência Negra encerra-se com atividades em escola
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.