Início
NOTÍCIAS
05/07/2013
Audiência pública irá discutir OSSs em Cuiabá
Otmar de Oliveira
Apontada pelo Governo de Mato Grosso como um meio eficiente para solucionar ou minimizar os graves problemas de gestão da saúde pública no Estado, o modelo de administração das Organizações Sociais de Saúde vem se mostrando ineficiência e sua eficácia questionada por diversos setores da sociedade. Preocupado com a possibilidade deste modelo de gestão ser adotado pela Prefeitura de Cuiabá, o vereador Lilo Pinheiro (PRP) solicitou uma Audiência Pública, que está marcada para a próxima quarta-feira (10 de julho), com o intuito de debater o projeto de lei que proíbe o município de estabelecer parceria com OSS. A audiência será realizada no Plenário das Deliberações, às 9 horas, na Câmara Municipal.

Apesar do executivo municipal ainda não ter manifestado publicamente intenção de seguir o exemplo do governo estadual, o parlamentar preferiu antecipar a discussão e se posicionar contra o modelo de administrar das OSSs. Contudo, considera primordial uma discussão sobre o assunto. “É necessário que seja feito esse debate com a sociedade em função do que estamos vendo acontecer no Estado” analisa Pinheiro.

De acordo com o vereador, os representantes de OSS, do Estado e de diversos setores da saúde pública foram convidados e poderão esclarecer e explicar as dúvidas que assombram a população cuiabana.

BREVE HISTÓRICO

O modelo de saúde pública gerida por OSS vem sendo questionadas desde sua implantação em 2011, quando sugerida e implantada pelo então secretário estadual de Saúde da época, o deputado federal Pedro Henry (PP). A primeira unidade a ser gerenciada e operacionalizada por uma OSS em Mato Grosso foi o Hospital Metropolitano de Várzea Grande.

Existe um movimento em Defesa da Saúde pública que conseguiu que as Leis Complementares que beneficiam às OSS fossem revogadas no Conselho Estadual de Saúde (CES). Mas, a decisão do Conselho ainda não foi homologada pelo governador Silval Barbosa.

Assessoria



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
14/12 - Projeto de Bussiki que dedica mês ao enfrentamento do tráfico de pessoas é aprovado
14/12 - Cuiabá 300 anos: revitalização da Praça Maria Taquara
14/12 - Câmara aprova projeto de Bussiki que regulamenta a hospedagem de crianças e adolescentes
13/12 - Adélia Galvão, futura Primeira Dama, afirma que sua atuação será marcada por atividades sociais
13/12 - EMPRESA CUIABANA: Abilio denuncia grupo de “explorar” a saúde do Estado
12/12 - Toninho de Souza visita Praça do CPA 4 que receberá emenda de R$150 mil do parlamentar para reforma
12/12 - Evento no Plenário marca descerramento da placa que homenageia Moisés Martins
12/12 - Dr. Xavier quer bairros da capital com redutores de velocidade
12/12 - Bussiki homenageia pessoas que ajudam a disseminar a mensagem bíblica
12/12 - Vereadores recorrem ao TCE para suspender lei aprovada irregularmente
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:30hs às 13:30hs.